Campeonato Brasil: Final na Arena Barueri e novidades na disputa agitam Super 10

By
Updated: junho 12, 2013

101

Dez equipes de seis estados iniciam neste sábado (15) uma disputa acirrada e de alto nível: o Super 10 – Campeonato Brasileiro Masculino de Rugby – 1ª divisão, a maior competição da modalidade no País. Participam desta edição o campeão de 2012, São José (SP), SPAC (SP), Pasteur (SP), Rio Branco (SP), Bandeirantes (SP), Niterói (RJ), BH Rugby (MG), e Curitiba (PR), Desterro (SC) e Farrapos (RS). E a temporada 2013 está repleta de novidades. a maior delas é que a decisão do torneio será realizada na Arena Barueri, uma das mais modernas do País, no dia 19 de outubro.

“Para nós é maravilhoso ter a oportunidade de jogar e realizar um evento como esse em um campo com tamanha qualidade e estrutura. Isso é fundamental para o desenvolvimento do esporte. É um verdadeiro sonho”, comentou Werner Grau, vice-presidente da Confederação Brasileira de Rugby (CBRu), durante a coletiva de lançamento do Super 10, realizada nesta terça-feira (11), na Arena Barueri.

O ex-jogador da seleção brasileira de futebol e atual secretário de Esportes de Barueri, Paulo Sérgio, ressaltou a importância dessa parceria para o município. “Estamos pensando em realizar um projeto de alto rendimento e também que envolva um trabalho social. Temos um projeto de prevenção às drogas na juventude e sabemos que o esporte é uma ferramenta muito importante para ajudar nesse combate. Esperamos que o rugby se sinta em casa e que essa parceria dure por muitos anos”, disse.
Novo Formato –Diferente das últimas duas temporadas, no qual as equipes estavam divididas em duas chaves, em 2013 os times formarão um único grupo. Desta forma, todos jogam contra todos em turno único. Na primeira fase, os pontos serão computados da seguinte forma: 4 pontos ao vencedor; 2 pontos em caso de empate; 1 ponto em caso de derrota por diferença menor ou igual a 7 (sete) pontos; 1 ponto para a equipe que marcar 4 (quatro) ou mais tries; e zero ponto em caso de derrota maior que 7 pontos. Ao final dos jogos da fase de classificação, as quatro equipes mais bem colocadas passarão às semifinais.

O líder da primeira fase enfrentará o quarto colocado, enquanto o vice-líder irá encarar o terceiro. Os vencedores disputam a final no dia 19 de outubro. O canal Sportv transmitirá ao vivo as semifinais e a decisão do torneio. O décimo colocado na fase de classificação disputa, contra o campeão da Copa do Brasil 2013, uma vaga no Super 10 de 2014. O duelo será em jogo único, com mando de campo do campeão da Copa do Brasil.

“Acreditamos que esse sistema de todos contra todos seja mais justo. Além disso, para todos também é um incentivo a mais saber que a final será em uma arena moderna”, comentou Bernardo Duarte, gerente de torneios e eventos da CBRu, que espera um grande público na final, “Nos dois jogos entre Brasil e México levamos mais de oito mil pessoas ao estádio. Esperamos reunir cerca de 10 mil pessoas na Arena Barueri”, afirmou.

As equipes –Atual campeão, o São José é o time a ser batido. Afinal, faturou oito títulos em 10 anos. O SPAC, maior vencedor da história do campeonato nacional (12 conquistas), vai atrás do 13º troféu. O Pasteur está desde 1994 sem levantar a taça e após a conquista do terceiro lugar em 2012, espera chegar novamente ao topo. Bandeirantes e Rio Branco tiveram desempenho irregular na temporada passada e prometem mudar para chegar ao pódio. Os catarinenses do Desterro, os gaúchos do Farrapos e os paranaenses do Curitiba tentarão quebrar a supremacia dos paulistas. Niterói e BH esperam reverter a situação das temporadas anteriores, quando terminaram nas últimas colocações do torneio.
“Para nós é um estimulo muito grande saber que podemos jogar na Arena Barueri. Vamos fazer o possível para chegar na final”, assegurou o capitão do Rio Branco, Vinícius Alvares.

Confira a tabela completa do Super 10 – 2013

1ª rodada – 15 de junho 
São José x BH – São José dos Campos (SP)
SPAC x Niterói – São Paulo (SP)
Pasteur x Bandeirantes – São Paulo (SP)
Desterro x Curitiba – Florianópolis (SC)
Farrapos x Rio Branco – Bento Gonçalves (RS)

2ª rodada – 29 de junho
BH x SPAC – Belo Horizonte (MG)
Niterói x São José – Niterói (RJ)
Bandeirantes x Desterro – São Paulo (SP)
Rio Branco x Curitiba – São Paulo (SP)
Farrapos x Pasteur – Bento Gonçalves (RS)

3ª rodada – 13 de julho
Pasteur x Niterói – São Paulo (SP)
Desterro x Rio Branco – Florianópolis (SC)
São José x Farrapos – São José dos Campos (SP)
SPAC x Bandeirantes – São Paulo (SP)
BH x Curitiba – Belo Horizonte (MG)
4ª rodada – 27 de julhoCuritiba x São José – Curitiba (PR)
Rio Branco x SPAC – São Paulo (SP)
Pasteur x BH – São Paulo (SP)
Desterro x Farrapos – Florianópolis (SC)
Niterói x Bandeirantes – Niterói (RJ)

5ª rodada – 3 de agosto 
São José x Pasteur – São José dos Campos (SP)
Desterro x SPAC – Florianópolis (SC)
Farrapos x BH – Bento Gonçalves (RS)
Bandeirantes x Rio Branco – São Paulo (SP)
Curitiba x Niterói – Curitiba (PR)

6ª rodada – 17 de agosto
SPAC x São José – São Paulo (SP)
Curitiba x Pasteur – Curitiba (PR)
BH x Desterro – Belo Horizonte (MG)
Farrapos x Bandeirantes – Bento Gonçalves (RS)
Niterói x Rio Branco – Niterói (RJ)

7ª rodada – 31 de agosto
São José x Bandeirantes – São José dos Campos (SP)
Curitiba x SPAC – Curitiba (PR)
Pasteur x Desterro – São Paulo (SP)
BH x Rio Branco – Belo Horizonte (MG)
Farrapos x Niterói – Bento Gonçalves (RS)
8ª rodada – 14 de setembro Rio Branco x São José – São Paulo (SP)
SPAC x Pasteur – São Paulo (SP)
Desterro x Niterói – Florianópolis (SC)
Curitiba x Farrapos – Curitiba (PR)
Bandeirantes x BH – São Paulo (SP)

9ª rodada – 21 de setembro
São José x Desterro – São José dos Campos (SP)
SPAC x Farrapos – São Paulo (SP)
Pasteur x Rio Branco – São Paulo (SP)
Bandeirantes x Curitiba – São Paulo (SP)
Niterói x BH – Niterói (RJ)

Semifinais – 5 de outubro
1º colocado x 4º colocado – mando CBRu
2º colocado x 3º colocado – mando CBRu

Final – 19 de outubro 
Vencedor semifinal 1 x vencedor semifinal 2 – Barueri (SP)
Confira a lista completa de campeões brasileiros:
SPAC (SP) – 12 títulos (1964 a 1969, 1974 a 1978 e 1999)
São José (SP) – 8 títulos (2002 a 2004, 2007, 2008, 2010, 2011 e 2012)
Alphaville (SP) – 7 títulos (1980, 1982, 1983, 1985, 1989, 1991 e 1992)
Niterói (RJ) – 6 títulos (1976, 1979, 1893, 1984, 1896 e 1990)
Rio Branco (SP) – 6 títulos (1993, 1997, 1998 e 2006)
Bandeirantes (SP) – 4 títulos (1988, 1995, 2001 e 2009)
Desterro (SC) – 3 títulos (1996, 2000 e 2005)
Medicina Rugby (SP) – 2 títulos (1973 e 1981)
São Paulo Barbarians (SP) – 2 títulos (1970, 1971)
Pasteur (SP) – 2 títulos (1985, 1994)
FUPE (SP) – 1 título (1972)

A Confederação Brasileira de Rugby (CBRu) tem o patrocínio master do Bradesco e, como patrocinadores principais, Topper, Heineken e JAC Motors. Conta ainda com Grupo CCR, Alupar, CEMIG, Cultura Inglesa, Brookfield Incorporações e BR Properties como patrocinadores oficiais. Também são fornecedores e apoiadores do rugby brasileiro Travel Ace, Fortify, Probiótica, Deloitte, Cremer e JExperts.

O rugby é o segundo esporte mais praticado no mundo, têm 5 milhões de jogadores e está presente em 120 países. No Brasil, são mais de 100 mil seguidores, mais de 200 agremiações esportivas e 10 mil atletas registrados, números que, somados à volta da modalidade ao programa olímpico nos Jogos do Rio 2016, fizeram a International Rugby Board (Federação Internacional de Rugby) eleger o Brasil como prioridade estratégica de investimento.